0800 773 1600
Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP
Praça da Bandeira, 800 - Fone: (14) 3404-1000
Prefeitura Municipal de Tupã
Notícias: Secretarias
02 de Abril de 2015 - Relações Institucionais
Enquete - Cursos Técnicos
Por:

Instituto Federal – 01 03 2015.

 

Cidades com campus criam novas oportunidades e empregos

 

Diretor do Campus de Tupã destaca ganho social e econômico com a vinda dos cursos. Enquete sobre cursos já está no site da prefeitura

 

A Educação é a mola propulsora de desenvolvimento intelectual de uma população e de um território. Atualmente podemos observar cidades e até paises que tinham uma economia fraca e com índice de desenvolvimento humano (IDH) bem abaixo do ideal. Com a universalização da educação para toda a população, desde infantil até superior e pós-graduação, o conhecimento destas cidades e países se expandiu de forma a melhorar com bases fortes, os índices econômicos e sociais. É o caso, por exemplo, do Japão, Coréia do Sul e China.

Pensando nisto, Tupã vive um momento importante no campo da educação, com a vinda de novos cursos superiores, seja de instituições públicas ou privadas. Exemplo deste momento importante foi a aprovação pelo Ministério da Educação, do campus avançado do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia –Campus Tupã.

E o ganho social não está somente na instalação destas unidades ligadas a área de ensino técnico e superior, mas na soma de conhecimentos que eles podem agregar para o município e região, resultando numa sinergia cada vez mais forte, capaz de mudar o cenário social e econômico de um município e de uma região.

O diretor do Campus de Tupã, professor Caio Marcus Dias Flausino, considera que Tupã ganhou uma instituição de qualidade, que certamente criará muitas oportunidades para a população de Tupã e região. “O Instituto oferece uma educação de qualidade, criando oportunidades através dos seus cursos técnicos, superiores e de pós-graduação que são definidos através das audiências públicas, instrumentos fundamentais para a instalação dos cursos”.

Flausino destacou que o avanço social é um das características da entidade federal. “A instituição adota cotas para negros, índios e alunos provenientes de escolas públicas, entre 30 e 40% e oferece bolsas de estudos de Projetos Variados”. Na oportunidade, Flausino reiterou que o reitor Eduardo Antônio Modena provavelmente estará em Tupã, Paraguaçu Paulista, Ilha Solteira e Fernandópolis neste mês de abril participando das audiências para a implantação das unidades.

O diretor reiterou que, os objetivos de implantação do Instituto Federal estão em sintonia com os diversos setores da economia tupãense e da região. Citou o caso de Garça, que hoje é considerada pólo eletrônico do Estado de São Paulo, devido a uma empresa do setor que iniciou suas atividades e a media que foi se expandido, incentivou outros empreendedores a investir no mesmo segmento.

O diretor Robson de Miranda Soares, do Campus de Birigui, disse que o município e toda região, ganharão muito com a instalação do Instituto. “Temos o curso técnico de Administração, Informática, Automação Industrial, e temos também licenciatura em Matemática e Física, Mecatrônica, e de Formação Inicial Continuada (FIC) e o Pronatec. Estes cursos tem movimentado a cidade, que vê novas perspectivas de crescimento em diversos setores como o comércio, padaria, supermercado, lojas”.

Soares destacou que com a abertura do Instituto Federal de Birigui, muitos empregos e oportunidades estão sendo criadas “O próprio instituto mobiliza a economia com os empregos que a entidade gera e o comercio que ele movimenta”.

O diretor do Campus de Birigui também confirmou a quantidade de oportunidades e empregos que o instituto está gerando na cidade. “Temos hoje 73 servidores, a maioria é de fora e isso aquece o mercado imobiliário, traz renda e novos recursos para a economia da cidade”. Pesquisas feitas na cidade demonstram que o Instituto recebe alunos de toda região e a cidade ganha com a prestação de serviços para suprir as necessidades das industrias, do comércio e de toda demanda do município e região. Em fevereiro de 2016 o Instituto completa 5 anos de implantação naquela cidade e já conta atualmente com 600 alunos, além de outros 700 alunos que participam dos cursos do Pronatec, oferecidos pelo campus daquela cidade”.

 

ENQUETE

 

            Neste início de atividades do Instituto em Tupã, além das audiências que estão sendo realizadas com objetivo de ouvir a sociedade, receber apoio das empresas e instituições na definição dos eixos educacionais que serão implementados, a prefeitura também está realizando, através de seu site na internet, uma enquete, aberta a toda população, parra que as pessoas possam se manifestar, escolhendo entre os cursos iniciais propostos, ou indicar quais cursos gostaria que fossem implementados em tupã.

            Acessando o site da prefeitura, no endereço eletrônico www.tupa.sp.gov.br, o cidadão já encontra um “banner”, ou seja, um tópico de acesso a enquete que está sendo realizada pela prefeitura. Acessando este “banner” a pessoa é direcionada para a página da enquete, onde pode iniciar seu cadastro e responder as perguntas.

            No topo da página da enquente, estão os dizeres “AJUDE A DEFINIR OS PRIMEIROS CURSOS TÉCNICOS DO INSTITUTO FEDERAL DE TUPÔ, com as orientações informando: “(Selecione uma opção. Você também pode apresentar uma sugestão de curso ao final da enquete)”. Em seguida são apresentadas e descritas seis opções de cursos, com um ícone para que seja marcado como opção de escolha.

            Caso a pessoa ainda queira apresentar outras opções, é possível utilizar um campo abaixo, delimitado para apresentação das sugestões de outros cursos. Preenchido, é preciso colocar o nome, cidade, email, telefone e se quiser, fazer comentários. Em seguida, basta salvar para ter o volto validade. É possível ainda acompanhar o resultado da enquete, sabendo quais cursos estão sendo mais votados.

            Segundo informou o prefeito Manoel Gaspar, idealizador da enquete, o objetivo maior desta pesquisa junto a população é oferecer subsídios para a definição dos principais eixos educacionais. “Queremos ouvir a população, suas opiniões e o que acham dos cursos que estamos propondo como ponto de partida. Alem disso, novas propostas também podem ser apresentadas. É mais uma oportunidade para que a população se manifeste, pois depois que forem definidos os cursos, trabalharemos para consolidar estas escolhas”, disse Gaspar.

 

CURSOS

 

Na enquete são propostos seis cursos, que alem de serem apresentados, são descritos e forma rápida, mas com elementos que ajudam a orientar os participantes a entender o que propõe o curso e o que ele oferece de formação aos alunos.

Técnico em Agropecuária - Vantagens de ter esse curso em Tupã: A nossa cidade por ter uma grande área rural demanda este tipo de especialização. Cidade mais próxima: Araçatuba. O Curso de Técnico em Agropecuária visa contemplar a formação nas áreas agrícola e zootécnica, ou seja, produção vegetal e animal, com a proposta de proporcionar a interdisciplinaridade entre as duas áreas de conhecimento. O Técnico em Agropecuária Planeja pode atuar em propriedades rurais, empresas comerciais, estabelecimentos agroindustriais, empresas de assistência técnica, extensão rural e pesquisa além de Parques e reservas naturais.

Técnico em Automação Industrial - O curso tem por objetivo formar profissionais capazes de aprimorar processo o industrial, aumentando a sua eficiência, maximizando a produção com o menor consumo de energia ou matérias primas, reduzindo a emissão de resíduos e melhorando as condições de segurança. O técnico em automação industrial executa manutenção por meio de componentes de um sistema de automação industrial, digitais ou analógicos; instala e configura sistemas automáticos baseados em CLP e em sistemas de aquisição de dados; instala e gerencia redes industriais; adapta programas para processos de fabricação e realiza montagens e atualizações em sistemas de automação de processos industriais.

Técnico em Eletrônica - O curso forma profissionais empreendedores, capacitados para aplicar modernas tecnologias relacionadas à manutenção de equipamentos eletrônicos, analógicos e/ou digitais. O Técnico em Eletrônica pode atuar em empresas concessionárias de energia elétrica e de telecomunicações; empresas de eletrificação; empresas de representação, vendas e assistência técnica de materiais e equipamentos elétricos e eletrônicos; laboratórios de ensaios elétricos e eletrônicos; empresas de consultoria, projetos, instalações e manutenções de máquinas e equipamentos eletroeletrônicos.

Técnico em Eletroeletrônica – O curso forma profissionais capazes de planejar e executar instalação e manutenção de equipamentos e instalações eletroeletrônicas industriais, observando normas técnicas e de segurança. O Técnico em Eletroeletrônica projeta e instala sistemas de acionamento e controle eletroeletrônicos, além de elaborar, desenvolver e executar projetos de instalações elétricas em edificações em baixa tensão.

Técnico em Eletrotécnica – O curso propõe o uso eficiente da energia elétrica e a utilização das respectivas fontes alternativas. O Técnico em Eletrotécnica instala, opera e mantém elementos de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. Este profissional também elabora e desenvolve projetos de instalações elétricas, acionamentos elétricos e de infraestrutura para instalações de telecomunicações em edificações de acordo com normas técnicas e de segurança; planeja e executa a instalação e manutenção de equipamentos e instalações elétricas. O campo de atuação inclui concessionárias de energia elétrica, prestadoras de serviço, indústrias, em geral, no setor de manutenção e automação, indústrias de fabricação de máquinas, componentes e equipamentos elétricos.

Técnico em Mecânica – O curso prepara o profissional para atender à crescente demanda do mercado de trabalho, capazes de desenvolver atividades de caráter técnico e profissional na área da indústria e serviços, com habilitação em Mecânica, numa perspectiva de desenvolvimento social, econômico e político, visando à melhoria da qualidade na produtividade. O Técnico em Mecânica pode atuar em projetos de elaboração de produtos, ferramentas, instalações industriais; planejamento da produção, seleção de máquinas e ferramentas, layout de fabricação, programação de máquinas CNC, cronogramas custos de fabricação; supervisão da fabricação e adequação do sistema produtivo aos planos de métodos e processos; controle de qualidade do sistema produtivo; planejamento e supervisão da manutenção de máquinas, equipamentos e instalações industriais.

LEGENDA FOTOS:

Acessando o site da prefeitura, no endereço www.tupa.sp.gov.br, o cidadão já encontra um “banner” de acesso a enquete

 

 

Acessando este “banner” a pessoa é direcionada para a página da enquete, onde pode iniciar seu cadastro e responder as perguntas.

 

 

Preenchido, é preciso colocar o nome, cidade, email, telefone e se quiser, fazer comentários. Em seguida, basta salvar para ter o volto validade.

 
 
  Tupã
História
Aspectos Geográficos
Vias de Acesso
Perfil da Cidade
Distritos
Qualidade de Vida
Bienal do Verde
Fale Conosco
 
  Veja também: vídeos
Prefeitura contabiliza prejuízos causados pela chuva em Tupã, SP
abrir vídeo +
 
 
  Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP
Praça da Bandeira, 800 - Fone: (14) 3404-1000

0800 773 1600
 
Home / Principal
Cadastre-se
Links úteis
Fale Conosco
 
   
  © 2017 - Todos os direitos reservados
Melhor visualizado em 1024px / 768px