0800 773 1600
Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP
Praça da Bandeira, 800 - Fone: (14) 3404-1000
Prefeitura Municipal de Tupã
Notícias: Secretarias
01 de Novembro de 2017 - SAÚDE
Saúde promoveu Campanha de Combate à Hanseníase
Por: Assessoria de Comunicação

A Secretaria Municipal de Saúde promoveu uma sensibilização sobre a doença Hanseníase aos profissionais de enfermagem e agentes comunitários de saúde. A ação visa orientar profissionais da área de saúde em relação aos sintomas da doença, visando o diagnóstico precoce e também à disponibilidade do tratamento ofertado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O secretário da pasta, Laércio Garcia, contou que a sensibilização foi realizada através do setor de Vigilância Epidemiológica, com a enfermeira Keila, que é responsável pelo programa de combate à Hanseníase.

De acordo com ele, o município possui um médico de referência para o diagnóstico da doença, Dr. Miguel Demarqui.“As unidades de saúde fazem a detecção e acompanham os pacientes, mas em caso de dúvidas eles são referenciados ao Dr. Miguel que atende pelo município”, explica.

A Secretaria Municipal de Saúde desenvolveu a Campanha de Combate à Hanseníase de 16 a 31 de outubro e as unidades deram continuidade na rotina em busca dos suspeitos. Agora, realizam trabalho casa a casa, conscientizando a população.

 

A doença

A hanseníase, comumente conhecida como lepra, é uma doença infecciosa que lesiona os nervos e diminui a sensibilidade da pele. A enfermeira do setor de Vigilância Epidemiológica, Joselaine Pio Rocha, explica que geralmente o distúrbio ocasiona manchas esbranquiçadas em áreas como mãos, pés e olhos, mas também podem afetar o rosto, as orelhas, nádegas, braços, pernas e costas.

A doença tem cura, mas exige tratamento prolongado para não desencadear problemas ao paciente ou a transmissão da bactéria para as pessoas de convívio próximo. A bactéria penetra o organismo por meio das vias respiratórias ou secreções como a saliva, sendo transmitido da mesma forma, até se instalar nos nervos periféricos e na pele.

O tempo de incubação é lento, levando da contaminação até o surgimento dos sintomas, em média, de dois a cinco anos. “Nos dias de hoje, não há mais necessidade do isolamento dos indivíduos, pois o SUS fornece a medicação necessária para recuperação dos portadores da hanseníase”.

 

Sintomas

A hanseníase se manifesta através de sinais e sintomas dermatológicos e neurológicos. As alterações neurológicas, quando não diagnosticadas e tratadas adequadamente, podem causar incapacidades físicas e deformidades. A forma mais indicada de prevenir a doença é mantendo o sistema imunológico eficiente, para que o organismo consiga combater a bactéria caso haja contato com a mesma. Por isso, é indicado que os indivíduos assumam novos hábitos cotidianos, com boa alimentação, prática de atividades físicas e boa higiene.

 
 
  Tupã
História
Aspectos Geográficos
Vias de Acesso
Perfil da Cidade
Distritos
Qualidade de Vida
Bienal do Verde
Fale Conosco
 
  Veja também: vídeos
Prefeitura contabiliza prejuízos causados pela chuva em Tupã, SP
abrir vídeo +
 
 
  Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP
Praça da Bandeira, 800 - Fone: (14) 3404-1000

0800 773 1600
 
Home / Principal
Cadastre-se
Links úteis
Fale Conosco
 
   
  © 2017 - Todos os direitos reservados
Melhor visualizado em 1024px / 768px