0800 773 1600
Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP
Praça da Bandeira, 800 - Fone: (14) 3404-1000
Prefeitura Municipal de Tupã
Notícias: Secretarias
25 de Maio de 2018 - CULTURA
Circuito Cultural enriquece programação do Festival de Teatro
Por:

A Secretaria Municipal de Cultura, através do Governo do Estado de São Paulo e da Associação Paulista dos Amigos da Arte (AAPA) promove nesta sexta-feira (25) mais uma atração do Circuito Cultural Paulista.

O objetivo do Circuito é promover a difusão cultural por meio de espetáculos em diversas linguagens artísticas. Desta vez, o programa trará a peça teatral “Com Quem Fica o Coração?”, uma tragicomédia que narra um crime em que uma mulher crente reprimida é assassinada pelo marido. O crime é revelado ao amigo; um cirurgião ateu, durante uma cirurgia clandestina.

A duração da peça é de 55 minutos e a classificação indicativa é de 14 anos. De acordo com o secretário municipal de Cultura, Renato Gonzalez, a atração enriquece a programação do Festival Nacional de Teatro 2018. O espetáculo será no Clube dos Comerciários, às 20 horas e a entrada é franca.

“A peça será realizada dentro da programação do Festival Nacional de Artes e será mais um complemento ao grande sucesso que a programação do evento tem feito. Esperamos toda a população para este espetáculo”, convidou Renato.

 

Sinopse da peça

 

O espetáculo “Com quem fica o coração?”, dirigido pelo renomado Carlos Meceni, que também é ator da peça, constrói um enredo envolvente passando por temas como religião, ética e um sórdido comportamento humano.

Na tragicomédia um casamento é desfeito pela ação de um enfermeiro fundamentalista e um cirurgião ateu. Ambos estão intimamente ligados. Do embate entre o fanatismo religioso – interpretado por Josué Torres – e a descrença de um ateu – Carlos Meceni – nasce uma conversa tão absurda, quanto hilariante. Esse diálogo que envolve a plateia em reflexões também vai destrinchando a intimidade de cada uma dessas personagens.

O espetáculo usa o Grand guignol (lê-se Grand Guinô) estética francesa para o teatro de horror da década de sessenta onde sangue e horror são recorrentes.

A montagem entra sem medo em questões polêmicas passando também pela ética dentro da medicina. O título de doutor do personagem interpretado por Meceni não o impede de cometer atrocidades e levantar debates éticos.

Este espetáculo recebeu excelentes críticas em jornais e revistas de grande circulação pelo País na ocasião de sua última temporada em São Paulo.

 
 
  Tupã
História
Aspectos Geográficos
Vias de Acesso
Perfil da Cidade
Distritos
Qualidade de Vida
Bienal do Verde
Fale Conosco
 
  Veja também: vídeos
Prefeitura contabiliza prejuízos causados pela chuva em Tupã, SP
abrir vídeo +
 
 
  Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP
Praça da Bandeira, 800 - Fone: (14) 3404-1000

0800 773 1600
 
Home / Principal
Cadastre-se
Links úteis
Fale Conosco
 
   
  © 2018 - Todos os direitos reservados
Melhor visualizado em 1024px / 768px