População pode doar material didático desatualizado ou inservível

Desenvolvimento Social e Direitos Humanos - Segunda-feira, 22 de Novembro de 2021


População pode doar material didático desatualizado ou inservível

O Fundo Social de Solidariedade está arrecadando livros didáticos, fascículos, apostilas, cadernos de colorir, atlas geográficos e outros materiais de ensino desatualizados, irrecuperáveis ou inservíveis.

 

A ação cumpre as normas vigentes no Estado de São Paulo (Artigo 4º, SE-83/2013), para adoção de políticas sustentáveis no descarte de livros totalmente inutilizáveis e fora do ciclo de reaproveitamento pelas escolas ou comunidade.

 

“Muitas vezes, as pessoas acabam guardando materiais com norma ortográfica antiga, que não acompanham a evolução da área de especialização, roídos ou danificados de muitas outras formas que impossibilitam sua doação para estudo”, explicou a secretária Municipal de Assistência Social (Semas), Patrícia Fernandes.

 

Patrícia informou ainda que essa campanha em prol da sustentabilidade ajudará projetos sociais e famílias em situação de vulnerabilidade atendidas pelo Fundo Social de Solidariedade.

 

Os interessados em participar da iniciativa podem levar os itens para o Fundo, na Rua Paiaquás – 609, conforme a Resolução para Desfazimento de Livros Didáticos, ou consultar com as escolas públicas, ou privadas mais próximas se elas são parceiras da campanha.

 

De acordo com a supervisora de atividades municipais, Sirleize Santos, “as escolas serão pontos de coleta de materiais, e as próprias unidades de ensino entrarão em contato conosco para avisar da chegada de doações. Essa união é uma estratégia para facilitar a adesão da população, que pode ter em casa um volume grande de livros antigos”.

Prefeitura Municipal


Tupã